A Algar Tech, multinacional especializada em processos de negócios de relacionamento com cliente e gestão do ambiente de tecnologia, está apostando em um novo modelo de expansão geográfica para suportar seu atual ciclo de crescimento, neste primeiro momento com foco na região Nordeste do país. A companhia decidiu investir em operações 100% remotas para atender as necessidades de Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) de grandes organizações de todo o Brasil.

A cidade escolhida para o piloto de primeira operação “remote first” foi Teresina, no Piauí, identificada como um polo universitário com alta disponibilidade de talentos qualificados. Desde novembro até abril, já foram contratados 834 colaboradores no município, que passaram por processos seletivos totalmente online e estão atuando desde o início no modelo 100% remoto para atender a maior foodtech brasileira no ramo de entrega de comida pela internet, além de uma das principais fabricantes de veículos pesados do Brasil e a maior rede de franquias do país.

“Desde o começo da pandemia, a empresa tem experimentado o modelo de trabalho remoto em grande escala, contratando pessoas em todo Brasil para trabalharem em home office. Com o sucesso dessa iniciativa, que tem aprovação tanto dos nossos clientes quanto dos nossos colaboradores, ficou claro que estávamos maduros para dar um passo além, criando um novo modelo de negócios no qual poderíamos escalar nacionalmente nossas operações sem a necessidade de investimento em estrutura física”, explica Marco Aurélio Borges Matos, diretor de gestão do relacionamento com o cliente.

A decisão foi baseada em diversos indicadores, como a redução de custos internos e, por consequência, no custo para os clientes; melhores indicadores de absenteísmo, turnover e outros indicadores de produtividade e qualidade no atendimento, além da necessidade de romper barreiras geográficas para atrair e reter talentos. Outro fator levado em consideração foi que, em pesquisa interna, 80% dos colaboradores da empresa afirmaram que se sentem satisfeitos trabalhando em home office e 99% demonstraram vontade de continuar remotamente ou no modelo híbrido.

“Se depender das ações da companhia, os contratos fechados no modelo Home Office em breve serão a maioria dentro da vertical de Gestão do Relacionamento com o Cliente. Queremos seguir aproveitando as lições da pandemia para construir uma Algar Tech ainda mais ágil, digital e preparada para o futuro. Isso sempre colocando como prioridade a satisfação das pessoas que trabalham conosco, a diversidade entre nossos talentos e o foco em entregar a melhor experiência para nossos clientes”, conclui o executivo.